Ir para o conteúdo
programa de trainee

Programa de trainee: o que é e quais são as etapas [Download Checklist]

Os programas de recrutamento e retenção de profissionais dentro de uma empresa são um dos pilares do futuro da organização. Para isso, é o departamento de recursos humanos o responsável por identificar as necessidades da empresa, qual modelo de treinamento é o indicado e de planejar todo o processo. Um deles, é o programa de trainee, estratégia que mais empresas vêm apostando nos últimos anos.

Implementar um programa de trainee tem diferenciais tanto na própria maneira como ele é desenvolvido, seus objetivos e como o RH escolhe os melhores candidatos para fazer parte do projeto. Dessa maneira, também apresentamos um material exclusivo para você RH: checklist do programa de trainee para baixar! Explicamos melhor esse material em continuação no texto. Por agora, vamos explicar quais são as características desse programa e responder as principais dúvidas.

Índice

Programa de trainee: o que é

Ao buscar pela tradução do inglês da palavra “trainee”, você encontrará palavras como estágio, aprendiz ou treinamento. Apesar de elas serem muito parecidas, na prática elas busca atrair diferentes perfis de profissionais. Em geral, o programa de trainee também se trata de uma oportunidade voltada para os jovens, em especial aqueles na graduação ou recém-formados. No entanto, essa não é uma regra fixa, algumas empresas optam por decidir uma faixa de etária específica, como dos 21 aos 30 anos. Mas isso dependerá dos objetivos que a empresa busca com o programa e como o RH acredita que é a melhor maneira de alcançar esses objetivos.

Além disso, o programa de trainee apresenta grandes diferencias no mercado de trabalho. A empresa que implementa essa modalidade de atração de candidatos, também deseja treiná-lo e reter esse profissional. Em todo o processo ele estará sendo treinado para assumir no futuro um cargo de gerência, liderança ou operacional. Por tanto, ele também tem contato com profissionais sênior, ou seja, com grande experiência em suas áreas, mas também dentro da empresa. Pois, também é objetivo do programa fazer com que o jovem conheça a fundo toda a organização. O que faz com o programa tenha duração entre 2 e 4 anos.

Quais são os candidatos procurados?

Como você leu no ponto anterior, os profissionais escolhidos para participar de um programa de trainee têm suas habilidades desenvolvidas para se tornarem parte estratégica da empresa. Sendo assim, a gestão de pessoas deve montar um programa voltado para candidatos que preencham não só os requisitos técnicos, mas estejam alinhados com as expectativas e cultura da empresa.

Dessa forma, a equipe de RH buscará os candidatos que atendem os requisitos básicos, são das áreas profissionais que a empresa demanda e apresentam virtudes de líderes. Entre elas, podemos citar:

  • Criatividade;
  • Capacidade de comunicação;
  • Liderança;
  • Empreendedorismo;
  • Saber trabalhar em equipe;
  • Visão estratégica;
  • Flexibilidade;
  • Inspiradores;
  • Habilidade para resolver problemas.

Essas e outras qualidades podem variar, mas são fatores que fazem um candidato se destacar aos olhos do RH. Dessa maneira, a empresa também entende que pode moldar esse candidato junto às expectativas que se esperam dele.

Além disso, outros fatores podem ser necessários, como uma língua estrangeira, ter uma universidade destacada no currículo, cursos de capacitação, e talvez uma experiência na área também pode ser um requisito. Como dizemos, depende do RH pontuar quais serão essas características procuradas.

Outro diferencial de um programa de trainee é o salário desses profissionais. Por estarem sendo treinados para ocupar cargos de liderança, e a experiência exige que ele passe por diversas áreas da empresa, a remuneração também precisa estar a par dessas responsabilidades específicas. O salário dos trainee costuma girar em torno de R$ 5.000,00.

Por últimos, devemos destacar que algumas empresas têm procurado diminuir as desigualdades e oferecer oportunidades para jovens que muitas vezes não são escolhidos nesses processos. Como é o caso do programa de trainee da Magazine Luiza voltada para jovens negros, já que a empresa reconhece os abismos sociais e raciais que esse fator tem no Brasil. Portanto, também uma oportunidade para a empresa analisar como trata os temas da diversidade em todas suas manifestações, dentro da organização.

software rh factorial

As vantagens do programa de trainee

Tanto a empresa quanto o jovem aprendiz saem ganhando com um programa de trainee. Como dizemos, o principal destaque para a empresa é que ela tem a oportunidade de treinar um jovem sem vícios de trabalho e pode fazer com ela se torne um/a líder. Ao lado disso, também notamos que esse tipo de programa permite à empresa crescer com rapidez, pois está colocando em contato profissionais experientes com jovens recém-formados, com novas ideias e vontade de aprender.

Outra vantagem é a possibilidade de encontrar “joias” profissionais em seus primeiros anos de desenvolvimento e ser capaz de identificar o seu valor para a empresa. Dessa forma, a empresa pode reter esses talentos para a organização e manter uma relação profissional de sucesso, sem esquecer de reconhecer seus logros e crescimento.

Ao mesmo tempo, a empresa garante que cargos antigos podem ser preenchidos com esses profissionais que estão sendo treinados, sem deixar espaços vazios no organograma da empresa. O que diminui os riscos de falta de crescimento da empresa, planejamentos inacabados ou falta de alinhamento entre uma gerência e outra.

Dentro do mercado, a própria empresa também se destaca ao oferecer um programa de trainee. Não só porque demonstra que está a par do mercado, mas também valoriza os jovens que investem em suas formações profissionais, têm muito para oferecer para as empresas, ou uma forma de trabalhar para o avanço social da sociedade.

Diferença entre programa de trainee e estágio

Essa é uma dúvida muito comum entre os jovens, e até entre os profissionais de recursos humanos. A diferença está nos objetivos entre um e outro. Enquanto um estágio busca treinar um profissional de uma área para o mercado e apresentar as questões do dia a dia da profissão, o trainee tem uma visão mais ampla da área, da empresa, e ele é treinado para ocupar um cargo de gerência.

Também temos algumas diferenças entre esses programas de questão técnica, apresentamos elas abaixo:

Trainee

  • Contratação em regime CLT (Consolidação das Leis do Trabalho);
  • Salários que vão de R$ 2.500 a R$ 7.000;
  • Benefícios como 13º salário, férias remuneradas, FGTS etc.;
  • Contrato que vai de um a dois anos;
  • Carga horário de acordo com o contrato da empresa;
  • Alta concorrência nos processos seletivos;
  • Treinamentos constantes;
  • Envolvimento em projetos de grande impacto;
  • Contato direto com lideranças;
  • Grande chance de efetivação.

Estágio

  • Contrato de estágio (sem vínculo empregatício);
  • Bolsa-auxílio com valor baixo ou até simbólico;
  • Férias remuneradas;
  • Carga horária de estágio curricular;
  • Benefícios dados por opção da empresa;
  • Contrato que vai de um a dois anos;
  • Baixa concorrência nos processos seletivos;
  • Envolvimento em projetos comuns da empresa;
  • Contato com outros profissionais da área;
  • Chance de efetivação na empresa.

Checklist do programa de trainee

Nós montamos uma planilha para você fazer download gratuito com a checklist de todas as etapas de montagem de um programa de trainee. Assim, você desenvolve cada processo e não se esquece de nenhuma fase desse programa.Esperamos que nosso material seja útil e que o seu programa de trainee tenha muito sucesso! Sempre que precisar, volta à nossa checklist para verificar que está cumprindo com todas as fases.

programa de trainee

Por Maria Esther Castedo Valdiviezo

Related Posts

Deixe um comentário