Ir para o conteúdo

Avaliação 360 graus: vantagens e desvantagens + Modelo Excel

avaliaçao 360

O que é uma Avaliação 360 graus? Que outros tipos de avaliação de desempenho existem? Como aplicar esta metodologia? Veja essa e outras respostas e encontre um Modelo em Excel pronto para uso.

Uma avaliação do desempenho bem feita é crucial para medir o desempenho dos colaboradores. Essa é uma das principais atividades dos responsáveis pela Gestão de pessoas. Isso porque é a partir das avaliações que serão estabelecidos os objetivos para que cada um possa contribuir com o desenvolvimento organizacional. 

Ao compreender como como cada colaborador trabalha, o RH pode ajudar a otimizar toda a dinâmica da empresa. Dessa forma, será possível melhorar o desempenho de cada equipe e identificar as necessidades da organização.

Existem muitos tipos de avaliação de desempenho. Por isso, nesse artigo, vamos focar em um tipo de avaliação que está ganhando espaço nas empresas.

Você quer saber tudo sobre a avaliação 360 graus? A seguir, destacamos os principais pontos sobre a avaliação 360, suas vantagens e desvantagens, exemplos práticos, e como aplicá-la da melhor forma possível nas empresas.

O que é a avaliação 360 graus?

São tantas as maneiras de avaliar um colaborador que é normal se confundir entre o que é a avaliação 360, 180 ou 90 graus. Para não deixar dúvidas, a avaliação 360, funciona como uma versão mais detalhada e mais pontual do feedback 360.

Assim, podemos entender a avaliação 360 graus como uma ferramenta para alcançar uma visão mais completa do desempenho dos funcionários.

A avaliação 360 graus:

  • Envolve a opinião de pessoas de todos os níveis hierárquicos da sua empresa.
  • Inclui diferentes pontos de vista em um determinado evento ou tarefa
  • Permite identificar com mais clareza o que deve ser melhorado.
  • Ajuda a compreender com maior exatidão como é possível motivar mais as equipes.
  • Indica a necessidade de treinamentos ou dinâmicas na empresa

A avaliação 360 pode ser feita em excel ou em sistemas especializados. Tudo depende do tamanho e cultura da empresa.

Em outras palavras, ao fazer uma avaliação de desempenho correta das suas equipes, você será capaz de tomar melhores decisões. E assim,  desenvolver o seu negócio de maneira mais rápida e eficiente.

performance

Tipos de Avaliação de desempenho

A avaliação 360 é uma combinação de todas as outras. Além da avaliação 360 graus, existem outros tipos de avaliação de desempenho. É importante conhecer cada método de avaliação para selecionar aquele que faz mais sentido para a equipe ou empresa.

Veja a seguir as principais formas de avaliar o desempenho dos colaboradores.

1) Auto-avaliação

O nome auto explicativo já indica sobre que tipo de avaliação estamos falando. A auto-avaliação, apesar de não fazer parte da avaliação 360 graus, também tem bastante importância nesses processos. Portanto, incluímos nessa lista para que você saiba o que é.

A auto-avaliação é a avaliação que o colaborador faz de si mesmo. Nela, ele responde a perguntas sobre como ele pensa que se saiu em determinada tarefa. Ou ainda, como ele pensa que pode melhorar em algo que não foi feito muito bem ou que tem sido um problema nos últimos meses.

Considerar o ponto de vista do colaborador é crucial na hora de comparar com outros questionários de avaliação. Isso ajuda a mostrar para os colaboradores que sua opinião conta e assim motivar a saúde mental no trabalho.

O benefício maior que esse tipo de avaliação pode trazer, é conhecer o contexto e o momento exato que afetou o desempenho do colaborador, seja positiva ou negativamente, se seus colaboradores.

👉Avaliação de Desempenho individual: Guia completo

2) Avaliação 90 graus

A avaliação 90 graus ocorre quando o supervisor, gerente, ou chefe é a pessoa responsável por medir o desempenho dos colaboradores. Assim , como os demais tipos, este também é baseado na observação, mas não somente. Aqui os resultados alcançados são tão importantes quanto as demais métricas.

Essa avaliação é importante, principalmente para se manter um alto grau de qualidade entre as competências oferecidas. Dessa forma, o papel do gestor é geralmente oferecer uma visão mais completa de como é o desempenho da pessoa avaliada.

A participação do gestor neste momento da jornada do colaborador é fundamental. Isso porque conhece muito bem os objetivos e tarefas dos seus funcionários. No entanto, a avaliação 360 também inclui estes líderes no processo.

👉Questionário para Avaliação de Desempenho: Modelo para download

3) Avaliação 180 graus (pares)

A avaliação 180º ocorre quando são os colegas de uma posição ou cargo similar que avaliam um colaborador. Aqui podemos ver não só como ele se desempenha no trabalho em equipe.

Mas também é possível solicitar uma opinião em outros aspectos como:

  • Criatividade
  • Capacidade de reagir a problemas
  • Cultura da empresa
  • Iniciativa
  • Colaboração

Ou seja, é possível ter uma visão ampla sobre todas aquelas habilidades que foram bem vistas por aqueles que trabalharam com aquela pessoa.

avaliacao 360 graus exemplos

3) Avaliação 360 graus

Depois de conhecer sobre o desempenho medido pelos gestores e colegas de mesma posição na empresa, não podia faltar uma  avaliação aos que reportam à pessoa que está sendo avaliada. Se o que a empresa busca é uma avaliação completa, a avaliação 360° pode ser a metodologia ideal.

A avaliação de desempenho 360 graus dá espaço aos subordinados avaliarem um colaborador que está num cargo mais elevado.

Essa avaliação é mais completa, porque envolve todas as anteriores. Da mesma forma que ajuda a criar perspectiva sobre suas habilidades de gestão de equipe, comunicação, capacidade de liderar projetos, ou de liderança de maneira geral.

Veremos mais adiante exemplos de avaliação 36o graus.

4) Feedback do cliente: Complemento para a avaliação 360°

Este tipo de avaliação ocorre quando a empresa pede a um ou mais clientes que avaliem o colaborador que possui um contato direto com uma organização ou marca. Ela pode, por exemplo, complementar a avaliação 360 graus.

Sim, estamos falando da famosa “pesquisa de satisfação”. Contudo, dessa vez não é sobre um produto ou serviço específico consumido pelo cliente. Mas sim, ao colaborador que o oferece.

Algumas empresas incluem em suas avaliações 360 graus, uma parte direcionada aos clientes. E assim, comparam as métricas de People Analytics.

Entretanto, não é uma prática muito comum. Pois muitas vezes os clientes não se sentem muito disponíveis para fazê-lo. Além de ser uma preocupação no sentido de poder afetar o relacionamento com o cliente.

Como fazer uma avaliação 360 graus?

Para fazer uma boa avaliação de 360 graus que resulta em informações úteis para a organização, há vários métodos que podem ser utilizados. 

Veja a seguir como fazer uma avaliação 360 graus e as principais etapas que devem ser incluídas no processo:

  1. Reveja o organograma da empresa. E assim,  ter uma ideia clara de onde o colaborador que vai ser avaliado se encontra na hierarquia da empresa. A partir daí, decida quem será o avaliador.
  2. Selecione temas e perguntas. Você também precisará decidir que perguntas fazer a cada um dos avaliadores. Pois as perguntas que você fará a seus colegas não serão as mesmas que fará ao gerente deles.
  3. Identificar competências-chave. Pergunte-se que habilidades cada colaborador pode ter desenvolvido e quais são as principais competências para chegar aos objetivos da área.
  4. Elaborar questionários de avaliação de desempenho. Finalmente, será preciso desenvolver os questionários, aplicá-los e enviá-los.
  5. Feedback e análise de resultados. Depois de completar o ciclo da avaliação 360°, é importante dar um feedback ao funcionário e traçar novas metas.  Tudo isso exige uma boa análise de dados de RH com a extração relatórios eficazes.

A seguir, destacamos 2 ferramentas que podem ser usadas na hora de fazer uma avaliação de desempenho 360 graus. 

1. Modelo de questionário para avaliação 360° [Excel]

Uma das opções para realizar uma avaliação 360° é usar um modelo Excel para criar seus próprios questionários. Assim, você pode decidir quais competências serão avaliadas com cada grupo de avaliadores e acompanhar a situação de todo o processo.

Para ajudar neste desafio, criamos um modelo de questionário em Excel para download, para ser usado nas avaliações 360 graus. Nele, você encontrará uma sessão para cada tipo de avaliação dentro da avaliação 360°.

Em cada uma delas, é possível inserir as perguntas que serão feitas. Você também tem uma seção para conclusões e as perguntas de avaliação são numéricas. Baixe o modelo abaixo e adapte a cada nova avaliação. 

avaliacao 360 download

2. Softwares para Avaliação de Desempenho

Se você quiser fazer uma boa avaliação 360 graus sem desperdiçar inúmeras horas no processo, a melhor coisa a fazer é automatizá-la através de um software de Avaliação de Desempenho. Esta ferramenta muitas vezes traz também exemplos de avaliação 360° que podem ser usados.

Um software especializado ajuda na hora de monitorar as avaliações de desempenho. Estes sistemas costumam manter as informações e dados sempre atualizados. Além disso, automatizam muitas etapas que de outra forma seriam manuais. Assim,  o processo é acelerado as avaliações dos colaboradores acontecem sempre no tempo certo.

Uma das empresas que oferece este tipo de sistema é a Factorial. Com o software de RH ,  é possível:

  • Fazer todas as etapas da avaliações 360° no mesmo sistema
  • Selecionar o tipo de avaliação de desempenho que deseja
  • Enviar feedbacks online
  • Extrair relatórios com dados sobre o funcionário e a empresa
  • Criar modelos de avaliação personalizados

Para saber como funciona na prática, é possível solicitar um teste por 14 dias, sem custos. Veja em 1 minuto como funciona:

Vantagens e desvantagens da Avaliação 360 graus

Ainda está na dúvida se deve escolher a avaliação 360°?  A seguir, destacamos as principais vantagens e desvantagens da Avaliação 360 graus.

Vantagens da Avaliação 360 graus

  • Filtra informações importantes:

As avaliações de todos os avaliadores te darão dados que podem ser muito úteis, especialmente porque fazem parte de perspectivas diferentes. Desta forma, você pode ver como o colaborador trabalha em diferentes contextos.

  • Aumenta a objetividade:

Quanto mais pontos de vista, maior será a objetividade da conclusão e mais confiáveis serão as informações coletadas.

  • Melhora do trabalho em equipe:

Ter um colega, uma pessoa que reporta a você ou um supervisor dando feedback sobre outro membro de sua equipe ajuda a colaborar para o bem comum da organização. Além de reconhecer e valorizar as metas alcançadas pelos demais.

  • Motiva os colaboradores:

Quando tantas pessoas estão envolvidas em avaliações de desempenho, o colaborador entende que sua opinião é importante para a tomada de decisões da empresa. Isto, além disso, faz com que a pessoa que está sendo avaliada não apenas se concentre nos resultados de suas tarefas, mas também em um melhor desempenho em todos os aspectos.

  • Reforça a cultura e os valores da empresa:

Se seus colaboradores tiverem que avaliar outro membro da equipe, eles refletirão sobre como ele ou ela está impactando a empresa. Isto mantém o propósito corporativo bem como a filosofia da empresa na vanguarda e sempre lembrada.

  • Identifica problemas e oportunidades:

Como qualquer outra avaliação, ela é projetada para detectar coisas para melhorar e melhorar a capacidade de resolver esses problemas. Também nos mostra oportunidades de desenvolvimento profissional dentro da equipe ou organização.

  • Melhora o desempenho em geral:

A avaliação 360 envolve um maior compromisso por parte dos trabalhadores e é uma forma de pedir a opinião de muitos colaboradores que se sentirão valorizados e, portanto, mais satisfeitos. Isto resulta em um melhor desempenho.

feedback 360 imagem

Desvantagens da Avaliação 360 graus

Ainda que existam muitos benefícios em aplicar uma avaliação 360°, existem também algumas desvantagens:

  • Problema: Não leva em conta a parte pessoal e o contexto fora do escritório em que a pessoa avaliada está inserida.
  • Solução: Falamos sobre isso no início de nosso artigo, por isso recomendamos estender a avaliação 360 com uma auto-avaliação para fechar o ciclo. E assim ter uma melhor perspectiva dos fatores externos que podem estar afetando o desempenho do colaborador. Isto também o faz sentir-se mais valorizado e mostra que a empresa confia nele.

 

  • Problema: A avaliação 360 pode levar muito tempo para chegar. Por envolver mais etapas, pode ser que quando a avaliação é concluída, o desempenho do colaborador já seja diferente.
  • Solução: Usar os questionários de feedback para assuntos mais urgentes e que devem ser resolvidos em curto prazo.

 

  • Problema: Excesso de informação. você acabará com muitas informações que não lhe serão úteis e, portanto, haverá muitas pessoas que perderão seu tempo avaliando os colaboradores.
  • Solução: A avaliação 360 tem que ser bem feita. Isso quer dizer que é crucial definir previamente os objetivos e o tipo de informação a ser coletada.

O que fazer com os resultados de uma avaliação de 360 graus?

Para saber como interpretar uma avaliação de 360 graus você deve saber o que quer perguntar. Além disso, pode também perguntar ao grupo correspondente de avaliadores o que acham, aqueles que podem lhe dar a melhor resposta a essa pergunta.

Uma vez que você tenha estes resultados e tenha chegado a uma conclusão sobre o que você queria saber, você deve dar feedback ao seu funcionário avaliado de uma maneira correta e construtiva. Então, vocês devem definir os seguintes passos:

  1. Você precisa de mais treinamento?
  2. Pensa em se desenvolver dentro da empresa?
  3. Você acha que se destacaria mais preenchendo outra posição dentro da empresa?
  4. Como a empresa pode te ajudar?

Dessa forma, serão traçados os próximos objetivos individuais do colaborador, para que ele possa contribuir com o crescimento da empresa. Ao concluir uma avaliação, você deve decidir com que frequência deseja repeti-la para monitorar o desempenho de seus funcionários.

Preciso de mentoring para aplicar uma avaliação 360?

Muitas vezes vemos que o conceito de mentoring está ligado às avaliações 360. Portanto, queremos esclarecer essa ligação para que você saiba o por quê.

O mentoring é um processo de treinamento corporativo e personalizado que utiliza diversas ferramentas. Uma delas é a de avaliação de performance.  Isso porque é possível que a necessidade de treinamento surja após fazer uma avaliação 360 de seus funcionários.

O processo de mentoria é simplesmente auxiliar na melhoria de habilidades dos colaboradores naquilo que há pontos falhos. E muitas vezes,  a única maneira de saber quais habilidades podem ser melhoradas é fazer uma avaliação 360..

Agora que você sabe tudo o que precisa para fazer a melhor avaliação 360, deve estar se perguntando como realizá-la de uma maneira fácil, personalizada e com segurança de dados.

A Factorial oferece um período experimental gratuito para você descobrir se nosso software de avaliação de desempenho é uma ferramenta bastante poderosa.

 Otimize a gestão de pessoas na sua empresa: registre-se grátis e experimente o software de RH da Factorial por 14 dias

 

Este artigo também está disponível em: Español, Italiano, Portugal, Mexican, Colombiano

Mariana P. é parte do time de Content Marketing da Factorial. Acredita que copywriting é mais do que contar histórias. É também diversificar conhecimento para que todos tenham acesso. Depois de viver em diferentes países e trabalhar com B2C e B2B, percebeu que o setor de Recursos Humanos é parte fundamental para a transformação e o crescimento das pessoas dentro de uma organização.

Postagens relacionadas

Deixe um comentário