Ir para o conteúdo

Dinâmica de grupo: 7 exemplos para aplicar em Processos seletivos

dinamica de grupo

Existem muitos exemplos de dinâmica de grupo. É importante que as empresas conheçam cada tipo e selecionem aquele que faz mais sentido. Por isso, neste artigo iremos explicar o que é uma dinâmica de grupo, como aplicá-la no processo seletivo, e indicaremos os exemplos mais usados no mercado. Leia a seguir!

Sem tempo para ler o artigo? Nós lemos para você. Clique no play para ouvir!

Organizar o processo de recrutamento e seleção de novos funcionários é uma das principais tarefas dos Recursos Humanos. Apesar de não ser algo novo para os profissionais de RH, tornar esta etapa atrativa e funcional pode ser um grande desafio. Por isso, recorrer à uma dinâmica de grupo e conhecer diferentes exemplos pode fazer toda a diferença!

As dinâmicas de grupo costumam tornar esta etapa mais atrativa e leve para quem participa. Essa prática também ajuda a empresa a agilizar este processo e encontrar de forma mais eficiente o novo funcionário.

Além disso, essas atividades também podem ser adaptadas para o contexto do home office, sendo realizada de forma remota e criativa. O importante é perceber como organizá-las! Por isso, se planejar é essencial.

Veja a seguir algumas dicas práticas e exemplos para elaborar uma dinâmica de grupo.

O que é uma dinâmica de grupo?

Se você já passou por algum processo seletivo, provavelmente já participou de alguma dinâmica de grupo. Essa atividade é desenvolvida para ajudar o RH e os gestores na seleção dos melhores talentos para a empresa, mas também para aumentar a motivaçao dos funcionários e incentivar o trabalho em equipe.

A dinâmica de grupo é mais conhecida, no entanto, como uma das etapas de um processo seletivo, em que os candidatos são avaliados por meio de atividades relacionadas com a realidade de trabalho da vaga que está em aberto. É um momento em que diversos candidatos são avaliados ao mesmo tempo, em suas habilidades e competências.

Como o próprio nome já indica, o objetivo é tornar esse processo mais dinâmico e interativo. Além disso, utilizar um dos exemplos de dinâmica de grupo pode acelerar o processo de seleção e poupar tempo do RH e dos gestores. Isso porque é uma forma de avaliar diversos candidatos simultaneamente.

As dinâmicas podem ter diferentes focos e intenções, conforme veremos a seguir.

recrutamento onboarding factorial

Tipos de Dinâmica de Grupo

As dinâmicas de grupo podem variar de acordo com o objetivo pelo qual estão sendo feitas. Podemos dividi-las em dois grupos principais:

1) Dinâmicas de grupo internas:

Este tipo tem como público-alvo os funcionários da empresa. Nesse caso, a intenção é motivar ou incentivar o desenvolvimento das equipes. Essas atividades tem como resultado o aumento da produtividade e envolvimento das pessoas no trabalho.

2) Dinâmicas de grupo externas:

Neste artigo, iremos focar nos exemplos de dinâmicas voltadas para processos seletivos, ou seja, as dinâmicas de grupo externas. Estas atividades tem como objetivo final a contratação de um novo funcionário e podem ser muito úteis para o RH.

Veja a seguir as vantagens das dinâmicas de grupo para as empresas.

👉Baixe aqui nosso Checklist para recrutamento e seleção e não deixe nenhuma etapa para trás!

Vantagens das dinâmicas de grupo para Processos seletivos

Estas atividades trazem diversos benefícios para as empresas e também para os candidatos. Antes de organizar uma dinâmica na sua empresa, veja as principais vantagens:

  • Poupa tempo: Estas atividades podem ajudar o RH e os gestores a terem uma visão de seus candidatos de forma mais rápida e clara.
  • Testa competências de forma prática: É a oportunidade de testar não só as hard skills dos candidatos, mas principalmente as soft skills. Isso porque será possível avaliar como trabalham em equipe e lidam com desafios em conjunto.
  • Candidate experience: Estas atividades, quando bem executadas e criativas, tem o poder de tornar a experiência dos candidatos mais valiosa, divertida e memorável. Mesmo se não forem selecionados, se foi um processo interessante, eles vão lembrar da empresa.
  • Torna o processo menos estressante: Um dos principais motivos para recorrer a uma dinâmica de grupo é tornar o processo seletivo mais leve e descontraído, promovendo a interação entre os candidatos.
  • Employer branding: Este tipo de prática é a chance ideal de mostrar á outras pessoas as melhores características da empresa. E isso inclui a forma como tratam e cuidam dos funcionários.

[E-book 📚]Employer Branding nas empresas: Guia prático

Passo a passo do R&S: Em que momento realizar uma dinâmica de grupo?

Antes de pensar em ideias de dinâmica de grupo, é preciso entender em que fase do R&S ela ocorre. Se alinhada com outras etapas do processo seletivo, as dinâmicas de grupo podem ajudar o RH a tomar a melhor decisão e selecionar os melhores candidatos.

Por isso, é importante entender quais são as principais etapas da fase de Recrutamento e seleção e aonde estas dinâmicas estariam inseridas. Veja abaixo:

  1. Identificar as vagas em aberto e as necessidades dos gestores
  2. Desenvolver um plano de recrutamento e seleção
  3. Definir as competências e habilidades necessárias (Pode usar nosso modelo de Matriz de Competências para isso)
  4. Divulgação das vagas nos principais portais de emprego
  5. Triagem e avaliação curricular
  6. Dinâmica de grupo
  7. Entrevista individual com o RH
  8. Entrevista com o gestor
  9. Reunião de alinhamento entre RH e liderança
  10. Seleção dos candidatos

Note que este é apenas um exemplo de como normalmente é feito um processo de R&S. Estas etapas podem variar, tanto na ordem quanto na necessidade de serem realizadas. Isso muda de acordo com a vaga que está em aberto e com o objetivo da empresa.

⬇️ 10 tipos de teste para Recrutamento e Seleção ⬇️

testes para recrutamento e selecao

Como organizar uma dinâmica de grupo?

Apesar de serem muito úteis, as dinâmicas de grupo só funcionam se forem bem pleanejadas. Além disso, devem estar alinhadas com os objetivos e valores da empresa, para que façam sentido.

No entanto, algumas dicas podem ajudar:

  • Defina o melhor momento:

É fundamental definir em que momento do processo seletivo a dinâmica será realizada. Conforme vimos acima, isso deve ser feito, normalmente, antes das entrevistas de emprego individuais.

  • Conheça os exemplos de dinâmica de grupo que mais funcionam:

Conhecer as opções e ideias mais utilizadas no mercado pode ajudar na hora de selecionar qual tipo funciona mais para o processo em andamento, seja no caso de uma dinâmica de grupo online ou presencial.

  • Use a criatividade:

Ao desenvolver as atividades e buscar novas ideias para uma dinâmica de grupo, use sua criatividade para tornar o processo ainda mais interessante e inovador. Peça sugestões aos seus colegas de trabalho, eles podem ter ótimas ideias. A criatividade é ainda mais importante quando se trata de uma dinâmica de grupo online. Busque ferramentas e plataformas que incentivem a participação de cada um.

  • Reserve um espaço adequado:

Assim que souber o dia em que a dinâmica de grupo será realizada, reserve um espaço tranquilo e confortável e evite imprevistos.

  • Informe os candidatos:

É hora de comunicar aos candidatos sobre a participação na fase da dinâmica de grupo! Use um e-mail criativo e convidativo e seja claro em sua mensagem.

  • Crie o material que será usado:

Garanta que você tenhatodos os recursos que serão usados na dinâmica em ordem. Isso vai desde vídeos e apresentações visuais que serão usadas até objetos que fazem parte da dinâmica.

  • Estabeleça uma ordem:

Planejar um passo a passo para orientar-se durante a dinâmica é essencial.

  • Defina a forma de avaliação:

É importante estabelecer como os candidatos serão avaliados, assim poderá conduzir a dinâmica com mais eficácia. Veja mais detalhes em seguida.

7 exemplos de Dinâmicas de Grupo

Existem diversos tipos de dinâmica de grupo, que envolvem atividades diversas. Além disso, estas atividades podem ser adaptadas para diferentes contextos, inclusive nos casos de dinâmicas de grupo online. Para ajudar o RH a selecionar a melhor dinâmica para processo seletivo, separamos 7 exemplos que podem ser usados:

1) Dinâmica de integração:

Este exemplo de dinâmica é utilizado principalmente no início de um processos seletivo. O objetivo aqui é conhecer melhor os candidatos e explorar suas habilidades comportamentais. Isso quer dizer que, neste exemplo, são realizadas atividades que incentivem o entrosamento e a interação entre os candidatos.

Uma das atividades que pode ser realizada é a seguinte:

Entregue uma folha de papel em branco para cada candidato. Peça para que escrevam suas principais qualidades e defeitos, e, por fim, uma curiosidade sobre si.

Depois, recolha as folhas e misture-as bem. A seguir, entregue-as novamente para cada candidato, de forma aleatória. A ideia é que eles façam perguntas uns para os outros para tentar descobrir de quem é aquela folha.

Utilize esta dinâmica para: Avaliar a capacidade de comunicação e habilidades sociais dos candidatos.

dinamica de grupo online

2) Dinâmica de grupo para Liderança:

Caso o objetivo seja contratar alguém para uma posição de liderança, a dinâmica de grupo deve ser mais específica. Nesse caso, é importante testar competências de iniciativa, atitude, capacidade de liderar equipas e resolução de conflitos, por exemplo.

Uma boa opção de atividade para este caso é a dinâmica do Caos. Faça o seguinte: Peça para os candidatos deixarem a sala e torne o ambiente o mais bagunçado possível. Chame-os de volta e peça para que organizem a sala em equipe, delegando funções e responsabilidades a cada um.

A partir daí, observe a atitude de cada um. Veja quem irá ter mais iniciativa, organização e habilidade de lidar com desafios.

Utilize esta dinâmica para: Avaliar a capacidade de liderança dos candidatos e observar como lidam com desafios

[Masterclass📖]: Plano de Carreira para líderes, com Jessica Sandin, do Nubank

3) 2 Verdades e 1 mentira

Neste exemplo de diâmica de grupo, cada candidato deve escrever em um papel 3 afirmações sobre si mesmo, sendo 2 delas verdadeiras e uma falsa. Cada um deve ler suas afirmações e, logo depois, os outros candidatos devem fazer perguntas para adivinhar qual das afirmações é falsa.

Esta é uma forma de conhecer melhor os candidatos e observar suas habilidades comportamentais.

Utilize esta dinâmica para: Conhecer melhor os candidatos e observar como eles se relacionam com outras pessoas. Além disso, é possível analisar pontos como criatividade, iniciativa e argumentação.

4) Dinâmica da Inovação:

Esta é uma ótima opção de dinâmica de grupo para jovens. Ela poderá ser usada sobretudo para a contratação de estagiários, quando a maioria dos candidatos é considerada bem jovem ou quando a vaga está relacionada à inovação e a assuntos atuais. Nesse caso, a ideia é tornar o processo seletivo mais inovador possível.

Para isso, faça referência a temas atuais, busque recursos tecnológicos e utilize uma linguagem mais informal.

Um exemplo de atividade é pedir para que cada candidato sorteie o nome de um objeto aleatório (isso pode ser feito online, para ser mais divertido!) e apresente uma proposta de versão inovadora deste objeto. Podem adicionar novos recursos, inventar uma campanha, propor uma versão  totalmente evoluída do objeto, etc. A ideia é usar a criatividade e convencer os outros candidatos de que o seu produto é o melhor.

O interessante é ver qual candidato está mais atualizado com as novidades, de que forma ele se organiza e como irá se apresentar para seu “público”.

Utilize esta dinâmica para: Avaliar a criatividade, organização e capacidade de argumentação dos candidatos.

“planner

5) Dinâmica Debate:

Neste exemplo de dinâmica de grupo, o RH deverá dividir os candidatos em 2 grupos. Um tema polêmico deverá ser escolhido, ou seja, algo que por norma as pessoas costumam discordar (atenção: evite assuntos políticos e religiosos).

Em um primeiro momento, o grupo 1 terá que organizar e apresentar argumentos que defendam o tema escolhido. Já o grupo 2 irá fazer o oposto, ou seja, apresentar argumentos que vão contra a questão em pauta. Depois, cada grupo deve apresentar esses argumentos e defender seu ponto de vista.

Em um segundo momento, é hora da troca! O grupo 1 deverá criar argumentos contra e o grupo 2 argumentos a favor do tema. O interessante aqui é ver como os candidatos adaptam-se à diferentes contextos e como se organizam para defender suas ideias.

Utilize esta dinâmica para: Observar a capacidade de argumentação, trabalho em equipa, resiliência e gestão de conflitos dos candidatos.

6) Conversa com gestores:

Nesta opção, deve separar os candidatos em pequenos grupos de 2 ou 3 pessoas. A ideia é que gestores ou representantes de diferentes áreas ou com diferentes funções em um mesmo setor estejam presentes, e que cada um fique em uma mesa.

Assim, os grupos de candidatos devem rodar pela sala e passar por cada mesa, onde um assunto será debatido com cada gestor. Neste exemplo, os candidatos irão conversar com profissionais de diferentes áreas ou funções, mesmo que não estejam diretamente ligadas à vaga para qual estão a se candidatar.

Esta é uma forma de observar como lidam com situações inusitadas e de que forma agem sob pressão. Além disso, você poderá contar com a opinião de outras pessoas da empresa para selecionar o candidato ideal.

Utilize esta dinâmica para: Incluir os gestores na tomada de decisão, avaliar as competências dos candidatos em lidar com situações de estresse e de criar soluções para desafios imprevistos.

[Workshop📖]: Estratégias avançadas de Recrutamento com o LinkedIn, com Pedro Caramez

ideias dinamica de grupo

7) Dinâmica de grupo online:

Sobretudo em um momento que o trabalho hìbrido é cada vez mais parte da realidade das pessoas, é importante conhecer a opção de fazer uma dinâmica de grupo online.

Apesar de não ser o ideal, é possível elaborar atividades e dinâmicas de grupo online para um processo seletivo. Para realizá-las, escolha primeiro a plataforma que será usada: Zoom, Google meet, teams, etc.

Como exemplo, as atividades 3 e 7 podem ser adaptadas para o ambiente online. Outro exemplo é apresentação de cases. Nesse caso, o RH deverá enviar para os candidatos, alguns dias antes, uma descrição de um case ligado à função que está em aberto.

Nesse case, os candidatos devem pensar em uma solução para resolver o desafio ou problema proposto e apresentá-la em poucos minutos durante a dinâmica. Por fim, os candidatos devem votar na solução que acharam mais criativa e eficaz.

Utilize esta dinâmica para: Processos seletivos que devem ser feitos remotamente. Mesmo à distâcia, ainda é possível avaliar competências importantes para o recrutamento de um novo funcionário.

Após a dinâmica: Como selecionar os candidatos?

Após escolher um dos exemplos de dinâmica de grupo e realizá-lo, é hora de analisar os resultados. Este é o momento de avaliar quais candidatos se destacaram e possuem o perfil adequado para ocupar a vaga em aberto.

Antes de qualquer coisa, é preciso estabelecer como os candidatos serão avaliados: Por pontuação, desempenho, criatividade, notas, perfil comportamental? Saber como suas opções serão avaliadas e como você vai controlar isso é essencial para que, no fim, o recrutador saiba escolher aqueles que se destacaram.

Além disso, é importante definir alguns pontos sobre o perfil buscado. Alguns pontos que podem ser avaliados:

  • Capacidade de trabalhar em equipe
  • Iniciativa
  • Criatividade
  • Resiliência
  • Otimismo
  • Capacidade analítica
  • Conhecimentos técnicos

👉 Baixe nosso modelo de Matriz de Competências para definir todas as competências essenciais para cada função

Software ATS: Como otimizar o R&S?

O processo de recrutamento e seleção nas empresas envolve diversas etapas. Cumprir cada tarefa, organizar os dados dos candidatos e selecionar os melhores talentos pode ser um desafio para os Recursos Humanos.

Muitos profissionais de RH acabam por usar o excel para organizar as informações. Também é comum que cada etapa seja realizada separadamente. Isso pode tomar muito tempo do RH e dos gestores.

No entanto, existem sistemas capazes de centralizar todas as etapas de um processo seletivo em um mesmo lugar. Essa solução está presente em softwares de RH especializados em recrutamento e seleção.

Um desses softwares é o da Factorial, que possui mais de 20 recursos capazes de automatizar todos os processos de RH: Recrutamento e seleção, onboarding, avaliação de desempenho, gestão de férias, etc. Estes recursos podem ser testados na prática por 14 dias, sem custos. Veja a seguir em 1 minuto como funciona:

Descubra tudo o que sua equipe pode fazer com o software de RH da Factorial! Registre-se grátis e teste por 14 dias todos os recursos!

Este artigo também está disponível em: Italiano, Portugal, Mexican

Bruna Carnevale é Content Manager da Factorial para os mercados do Brasil e Portugal. Com uma formação diversa em comunicação e línguas, se diz cada vez mais apaixonada pela área de RH e acredita que o acesso à informação de qualidade pode ajudar tornar a gestão de pessoas cada vez mais humanizada e eficiente.

Postagens relacionadas

Deixe um comentário