Ir para o conteúdo
recursos humanos termos em ingles

Termos de Recursos Humanos em inglês para usar diariamente

Para profissionais de diversas áreas como, Marketing e T.I, por exemplo a língua inglesa sempre foi parte do dia-a-dia. Porém, nos últimos anos, os termos para o setor de Recursos Humanos em inglês começaram a ser mais relevantes na rotina de todos os profissionais da área. Também impulsionado pelas tecnologia, como os softwares de RH.

E como o dicionário de Recursos Humanos em inglês ainda não foi criado, nós estamos aqui para te ajudar. Após ler esse artigo você será capaz de compreender termos que podem aparecer com maior frequência ou aquelas outras palavras que são raras, mas farão a diferença se você tiver a tradução na ponta da língua. 

Vamos então à lista das 11 principais palavras que vão tornar o seu dia-a-dia no setor de Recursos Humanos em inglês mais fácil e tranquilo: 

Assessment 

A tradução mais usada refere-se à avaliação, mas esse termo também pode ser relacionado à análise ou tributação. No caso do setor de Recursos Humanos, essa expressão remete a uma avaliação que pode ser feita tanto no processo de seleção de novos colaboradores ou também para resolver algum problema interno da empresa. O principal objetivo do Assessment é ponderar o comportamento e competências de quem está sendo avaliado. 

Vale lembrar também que existem diferentes processos de avaliação, e cada um deles deve ser emprego de acordo com os objetivos e necessidades específicos. Abaixo estão os três principais Assessments existentes atualmente: 

Assessment Pessoal 

Como o próprio nome sinaliza, essa avaliação tem como objetivo traçar as principais características do avaliado. O que poderá auxiliar o departamento de Recursos Humanos a encontrar qual é a melhor função que esse colaborador poderá desempenhar na equipe ou companhia. 

Assessment Cultural 

O alinhamento e reciprocidade entre empresa e colaborador são fundamentais para criar um relacionamento de longo prazo e saudável. Por isso, entender quais são os ideais, valores, motivações e quais as aspirações seu funcionário tem para sua na carreira e vida pessoal são fatores essenciais para entender se existe uma fit entre as duas partes. 

Assessment de Desempenho 

Se você está buscando melhorar o desempenho da empresa na qual você trabalha, talvez fazer essa avaliação seja exatamente o que você precisa. Mas vale lembrar que esse Assessment não trará respostas, mas indicará onde pode ser melhorado – o que já é um grande passo. 

Burnout 

Esse termo contém duas traduções importantes para você. Em tradução literal, essa palavra refere-se ao esgotamento. E ela também está relacionada a um terno psicológico conhecido como a Síndrome do Burnout. Resultante, principalmente, por questões relacionadas ao trabalho, esse distúrbio pode causar esgotamentos físico e mental. 

Business Partner 

Business Partner ou sua sigla, BP, refere-se a um “Parceiro de Negócios”. E, no setor de Recursos Humanos, esse termo é utilizado quando o profissional tem uma profunda visão de negócios. Dessa forma acaba atuando também como um consultor, trazendo uma perspectiva mais estratégia à gestão de pessoas. 

Dress Code 

A tradução literal desse termo seria “código de roupa”. Podemos entender então que tratam-se então das regras relacionadas a como o funcionário pode ou não se vestir no ambiente de trabalho. 

Dentro desse quesito as organizações costumam se dividir de três formas: 

  • Aquelas que sugerem um dress code determinado ou até restringem ao uso de uniforme; 
  • Ou as empresas que permitem que um estilo casual seja adotado somente às sextas-feiras; 
  • E ainda aquelas que não adotam nenhum tipo de dress code. 

teste-gratis

Employ 

Diariamente o profissional de Recursos Humanos poderá se deparar com esse verbo em inglês que significa “empregar”. Ou então com as suas variações mais comuns: employer que significa “empregador”, employee que pode ser traduzido para falar do “empregado” ou “colaborador”, e employment suja tradução é “emprego”. 

Esses termos poderão ser encontrados também de maneira a formar novas expressões. Como é o caso, por exemplo, de Employee Experience. Que nada mais é que a “experiência do funcionário”, a trajetória do colaborador dentro da organização – do recrutamento à saída. 

EVP (Employer Value Proposition) 

“Proposta de Valor ao Colaborador”, essa é a tradução da sigla EVP. E ela, nada mais é do que o conjunto de benefícios que a sua empresa pode oferecer para torna-la mais atrativa àqueles que estão buscando uma oportunidade.  

Esse grande “pacote de recompensas” pode ser formado por diversos fatores entre eles estão, por exemplo, plano de carreira, benefícios extras e remuneração satisfatória. 

E a sua empresa, já possui um EVP definido? Se a resposta for não, que tal aproveitar essa oportunidade para criar um?
Vale lembrar que essa proposta é viva, ou seja, a equipe de Recursos Humanos pode modificar o que é oferecido pela organização quando julgar necessário. 

Headcount 

É o nome dado ao indicador que controla a quantidade de colaboradores de uma organização. Em tradução literal esse termo refere-se a “contagem de cabeças”, mas tratando-se de um indicador é fundamental que ele seja constantemente medido. 

Networking 

Apesar de ser uma prática bastante antiga, o networking vem ganhando cada dia mais importância e novas maneiras de construção. O que antes eram só contatos, agora são conexões.
Vale citar aqui o LinkedIn, a rede social profissional utilizada no mundo todo, possibilita que as empresas façam o anúncio de vagas, criação de parcerias e, é claro, criem e/ou fortaleçam uma “rede de contato”.

Onboarding 

Esse termo não possui tradução literal para o português. Mas trata-se do processo de integração do novo colaborador ao seu ambiente de trabalho. 

Além disso, o onboarding é parte fundamental também para contribuir com o Employee Experience. Tendo em vista que é nesse momento que o colaborador começa a criar seus primeiros laços com sua função e com o restante da equipe.

Software 

Também chamados de aplicativo, sistema ou programa, eles são usados pelos profissionais de Recursos Humanos para facilitar tarefas do dia-a-dia.
Aliás, o uso desses sistemas se tornou tão frequente que uma sigla para tratar apenas deles foi criada. SIRH (Sistema Informatizado de Recursos Humanos). Ou, em inglês, HRMS – Human Resources Management System. 

Se você busca um software para otimizar a gestão de pessoas e melhorar a tomada de decisões da equipe de Recursos Humanos da sua organização, a Factorial pode te ajudar. Faça um teste gratuito e descubra como é possível ter o controle de férias, folha ponto, documentos e muito mais em uma única plataforma. 

Turnover 

Em português conhecido como rotatividade. Trata-se de um dos principais indicadores para a equipe de Recursos Humanos. Em outras palavras, ele se refere a capacidade da empresa em reter talentos e é medido com base no número de desligamentos em um determinado período de tempo. 

Podem ser calculados Turnover de entrada, saída e geral. As métricas usadas e quais índices levar em consideração variam de acordo com a organização e também o setor.

Além dos termos citados acima existem outros que surgem a cada dia e que prometem tornar o dia-a-dia do profissional de Recursos Humanos em inglês ainda mais fácil. E, se você, busca também mais agilidade e praticidade para fazer a gestão de pessoas da empresa em que trabalha, conheça o que a Factorial pode te oferecer. 

Cadastre-se grátis na Factorial e tenha uma visão 360 dos seus recursos humanos

 

Artigo escrito por Gabriela Zanellato e revisado por Mariana Ramalho

Apaixonada por cultura, employer branding e desenvolvimento de equipes. Hoje está na Factorial.. Trabalhou com empresas multinacionais e empresas brasileiras para auxiliar na expansão das suas equipes em diferentes mercados.

Postagens relacionadas

Deixe um comentário