Ir para o conteúdo

Os principais perfis e cargos do departamento de recursos humanos

Departamento-Recursos-Humanos-min

Com o surgimento da internet e após a popularização do trabalho remoto, as empresas mudaram radicalmente. A maneira como eles vendam, se comunicam, produzem conteúdo, gerenciam o seu tempo… e, claro, com isso, o departamento de recursos humanos também mudou. 

O perfil da pessoa de recursos humanos foi enriquecido e agora é comum encontrar profissionais especializados em um campo específico. O que significa que o escopo de trabalho de alguns cargos que já existiam mudou. Além disso, foram criadas novas funções e divisões dentro do departamento de recursos humanos e gestão de pessoa. 

Para saber mais sobre os diferentes perfis profissionais e cargos do departamento de recursos humanos, continue a ler este artigo. 

índice

Principais características de um profissional de recursos humanos

Enquanto o mercado de trabalho tende a buscar profissionais cada vez mais especializados, as principais características básicas de um bom profissional de RH foram enfatizadas. Podemos resumir em 5 as principais características básicas de um profissional do departamento de recursos humanos. 

Conhecimento 360º em recursos humanos 

Pode parecer algo bastante evidente. Mas cada vez mais as empresas procuram profissionais que conhecem um pouco de cada  parte do departamento. Apesar de especializada, a empresa precisa de alguém versátil, capaz de se adaptar e de conhecer as últimas tendências e práticas na área de RH.

Este profissional deve entender como e em quê cada pessoa de cada área trabalha. Seja ela parte do departamento de gestão de pessoas, ou de outras áreas da empresa. 

Gestão de tempo eficiente

Se há algo que caracteriza o departamento de RH, são os problemas que surgem espontaneamente e requerem atenção imediata. A pessoa encarregada dos recursos humanos deve ser um gerente eficiente de seu tempo, cumprir tarefas diárias e ordenar o trabalho de acordo com a sua prioridade. 

Muitos profissionais já começaram a usar um software de recursos humanos para otimizar o seu dia a dia. Assim é possível economizar tempo e dinheiro, reduzindo as horas que gastam em tarefas monótonas e que não agregam valor à empresa.

Um líder que motiva

A maneira como o funcionário se relaciona com sua empresa mudou e muitos profissionais de RH estão entendendo que a melhor maneira de fazer um funcionário permanecer na empresa e se motivar é cuidar dele. Ouví-lo, saber como ajudá-lo quando precisar, e oferecer mais do que apenas uma compensação monetária é o que diferencia uma empresa. 

Se você trabalha no setor, já deve ter ouvido falar sobre a expressão employer branding. Ter líderes inspiradores também deve fazer parte do seu employer branding. Assim como as iniciativas da empresa para motivar os seus funcionários com benefícios sociais e uma remuneração flexível. Algo que pode ser muito mais eficiente do que um aumento.

Comunicativo(a)

A principal função do responsável de RH é estar em contato com funcionários em potencial. Além claro, das pessoas que já foram parte na equipe. Dessas 5 habilidades, a comunicação pode ser a mais importante. A comunicação com os funcionários é vital para saber o que está acontecendo dentro da empresa, resolver problemas ou dúvidas e garantir que o ambiente de trabalho esteja correto. Saber ouvir e envolver todos os funcionários é essencial para ter uma equipe coesa e comprometida com um objetivo comum.

Inovador(a)

Sem inovação, não há evolução e sem evolução, a empresa está destinada ao fracasso. A maneira como você contrata, retém talentos ou melhora as condições da equipe está mudando constantemente. Alguns anos atrás, era impensável se candidatar a um emprego sem um bom currículo. Hoje, é mais importante ter uma boa marca pessoal do que um currículo. Se um profissional do setor de recursos humanos não inovar, será difícil manter-se atualizado e saber a melhor maneira de gerenciar tudo o que a empresa precisa.

departamento-recursos-humanos

Os principais cargos do departamento de Recursos Humanos

Cada empresa é um mundo e nem todos seguem o mesmo padrão. No entanto, esta pode ser uma lista dos principais perfis mais procurados nas pequenas e médias empresas no Brasil.

Diretor(a) de Recursos Humanos

O diretor de recursos humanos tem como objetivo desenvolver e implementar políticas que ajudem os funcionários a crescerem dentro da empresa. Para assim, conseguirem melhorar a sua posição e desenvolverem a sua carreira. Esse papel é essencial para entender a evolução da equipe e garantir que os trabalhadores possam melhorar as suas habilidades com o passar do tempo na empresa.

Além dessa função, o diretor ou a diretora de RH trabalha em conjunto com outros departamentos. Este será o responsável por implementar políticas de benefícios sociais na empresa e promover valores como a igualdade de oportunidades entre os trabalhadores. 

Nos casos de empresas pequenas e médias, este profissional também estará a cargo de tarefas mais administrativas. Como organizar as folhas de pagamento, garantir e negociar salários e condições de trabalho com a equipe.

Analista de recrutamento e seleção de pessoal

As pessoas encarregadas dos processos de seleção desempenham um papel fundamental na incorporação de talentos na empresa e no preenchimento de vagas. Eles são responsáveis ​​pelo desenvolvimento de estratégias de recrutamento e seleção de talentos. Além da descoberta de candidatos que possam se encaixar perfeitamente em uma posição ou atender às necessidades da empresa. 

Com a explosão das redes sociais, esse perfil mais técnico geralmente precisa de conhecimentos avançados nas mídias sociais. Assim é possível identificar e se conectar com os talentos através das redes sociais ou portais de emprego. Entre as páginas e redes mais relevantes destacamos o LinkedIn, o Vagas.com e o Infojobs. 

Consultor(a) de Recrutamento Independente

A alternativa para muitas pequenas empresas que não podem assumir o custo de uma pessoa especializada em seleção internamente é contratar um consultor independente. Dessa forma, eles podem cobrir os processos de seleção, economizar tempo e custos dentro da empresa. Existem muitas empresas especializadas unicamente no recrutamento de talentos que operam em várias cidades do país. Por isso, esta pode ser uma opção interessante se você busca preencher uma vaga pontual. 

Responsável pelo Treinamento

Um analista de treinamento é o responsável pelo desenvolvimento profissional dos funcionários e seu aprendizado durante o tempo em que eles trabalham na empresa. Sua principal função é analisar as necessidades em termos de treinamento da equipe. Por exemplo, aulas de inglês corporativo, caso a empresa tenha novos clientes que falam inglês. Dessa forma, após analisar as necessidades de treinamento, este profissional pode começar a desenvolver programas de ensino com base em objetivos específicos. O gerenciamento de custos, orçamentos e bônus dos cursos para os funcionários é algo que essa pessoa costuma fazer.

Técnico de TI para a área de recursos humanos 

Há também outro perfil técnico de treinamento, relacionado à tecnologia da informação e comunicação (TIC). Este cargo está ganhando cada vez mais força nas empresas. Esses profissionais, além de gerenciar tarefas relacionadas a recursos humanos, também são especialistas em Office, navegadores de internet, aplicativos, software … e são responsáveis ​​por gerenciar o aprendizado dos funcionários sobre as redes sociais e a Internet.

Analista de comunicação interna

Apesar de esse perfil não ser um dos mais conhecidos das PMEs no Brasil, o técnico de comunicação interna é a pessoa chave para melhorar o envolvimento e o comportamento dos funcionários por meio de diferentes canais. Em muitas ocasiões, pequenas e médias empresas não têm orçamento para incorporar um analista de comunicação interna na sua equipe de tempo integral. E em outros casos, essa função é dividida entre o RH e o Marketing da empresa. 

Por esse motivo, portais de recursos humanos como o da Factorial oferecem uma solução para isso. Assim, as empresas podem melhorar a sua comunicação interna e desenvolver estratégias de lealdade e engajamento dos funcionários sem nenhum custo extra. Através do nosso software é possível enviar comunicados, notificações. ver as datas importantes para as empresas, aniversários e novos funcionários.

Responsável pelo departamento pessoal 

Esse perfil carrega a parte mais administrativa do departamento de recursos humanos. Gestão de holerites e contracheques, direito trabalhistas, contratos e renovações de funcionários. Para esse perfil, existem programas de folha de pagamento que podem economizar muitas horas por mês e reduzir erros no envio de folhas de pagamento.

Novos perfis emergentes do departamento de recursos humanos

Com o surgimento das redes sociais, novos perfis e cargos vêm aparecendo no departamento de recursos humanos. Você provavelmente já viu alguns desses perfis no linkedin. Se deseja saber mais sobre o significado deles, dê uma olhada aqui:

Headhunter (ou conectores de pessoas)

Um dos grandes desafios das pequenas e médias empresas é encontrar pessoas que se encaixem nas vagas. Nem todas as empresas podem contar com a ajuda de um recrutador profissional. E a realidade é que, em estágios muito iniciais, os processos de recrutamento geralmente são realizados internamente e apoiados por uma rede de contatos. 

O perfil do headhunter ou conector de pessoas é bastante comum no Linkedin. Você também podem ter visto perfis com essas iniciais LION (Linkedin Open Networker). Basicamente, o que essas iniciais significam é que a pessoa está aberta à rede com outros membros do linkedin. Os conectores de pessoas ajudam as empresas a encontrar funcionários em potencial. Eles podem não ser consultores de RH, mas eles têm uma ampla rede de contatos profissionais.

Desenvolvedor de idéias e ferramentas

Esse perfil procura incorporar as últimas tendências e ferramentas na gestão de recursos humanos numa empresa. Ele é o responsável por analisar a situação atual da equipe e propor ferramentas ou idéias que desbloqueiam situações específicas. Por exemplo, melhorando o ambiente de trabalho por meio de técnicas de criação de equipe.

Especialista em habilidades profissionais

Sua principal função será ajudar o funcionário a desenvolver seu potencial máximo com base em suas fraquezas e pontos fortes. Esta pessoa não só vai ajudar no desenvolvimento da carreira de um profissional. Mas também no crescimento deste dentro de uma empresa. 

Coach ou orientador profissional 

Esse tipo de perfil oferece um valor inestimável no desenvolvimento de pessoal para atingir objetivos pessoais e profissionais. Isso facilita as pessoas a se adaptarem às mudanças de maneira eficaz e ajuda a criar equipes humanas indestrutíveis.

Se você estiver interessado em notícias do setor de recursos humanos, fique de olho no nosso blog. Constantemente estamos publicando novos conteúdos e dicas para os profissionais de RH e gestão de pessoas. 

Registre-se grátis e comece a utilizar o nosso software de Recursos Humanos!

 

Este artigo também está disponível em: English US, Español, Deutsch, Italiano, Mexican

Ana Matos é Marketing Manager da Factorial para o mercado português. Licenciada em Ciências da Comunicação e Mestre em Marketing, dedica-se à criação, produção e gestão de conteúdos digitais desde 2017. Depois de alguns anos a trabalhar em agências de Comunicação e Marketing, especializa-se agora na área de Recursos Humanos & Tecnologia.

Postagens relacionadas

Deixe um comentário